Portal da Cidade Toledo

atividades

CERTI: Artesanato traz qualidade de vida para idosas de Toledo

CERTIS da Vila Pioneiro e Jardim Coopagro concluíram cursos de artesanato

Postado em 21/10/2019 às 10:38 |

"Artesanato é arte. Pelo olho e pelo tato nasce a arte verdadeira daquele artista nato da galeria ou da feira, o nordeste é muito grato, é o berço do artesanato da cultura brasileira", Guibson Medeiros. Tudo bem que estamos falando de Toledo, no Sul do Brasil, onde a cultura e a arte também são predominantes. Nosso município, pujante na qualidade esportiva, educação e saúde, também engrandece e enriquece a cultura com ações diárias, através da Secretaria Municipal de Assistência Social, por meio dos Centros de Revitalização da Terceira Idade (CERTI’s).

O artesanato é uma das atividades do serviço de convivência e fortalecimento de vínculos oferecido nos CERTI's, da Vila Pioneiro e do Jardim Coopagro. A atividade que fortalece os vínculos e a convivência entre os idosos teve o objetivo de aumentar a interação entre os mesmos, garantindo qualidade de vida através da arte. Na quinta-feira (17), os trabalhos foram finalizados na Vila Pioneiro, e nesta sexta-feira (18), os trabalhos foram encerrados no CERTI do Jardim Coopagro.

No Coopagro, cerca de 40 idosas participaram do grupo e tiveram uma transformação de vida, como Elisabeth Melania, de 62 anos. “Participo do CERTI já fazem cinco anos, e fico contente com as ações que são realizadas aqui. O artesanato ajudou muito a gente, principalmente pra sempre, sempre ter pensamentos positivos”, destacou.

Elisabeth fez uma grande amiga durante o projeto, Vera Lúcia Adami, de 70 anos, esbanja felicidade com as suas obras. “Eu mesmo fico o dia inteiro no CERTI, e esse projeto de artesanato é uma das melhores coisas que tem aqui”.

A coordenadora, Zena Santos, complementou que o objetivo da ação é garantir qualidade de vida as idosas. “É uma terapia. O artesanato traz uma experiência de vida única. Os vínculos criados entre as participantes transformam o seu dia dia, dando uma oportunidade a mais de ser feliz”.

A professora Cleonice Dumke, salientou que é um desenvolvimento diversificado, que fortalece os vínculos de convivência. “Este grupo especial, reúne-se todas as terças feiras, em turmas manhã e tarde, para desenvolver diferentes atividades vinculadas ao artesanato, além de passeios e muito bate papo. Nesta oficina, trabalhamos com reciclados, ou seja, vidros que são descartados e demoram cerca de 4.000 anos para se decompor, foram higienizados e decorados belíssima mente, de modo que agora, aquilo que viraria lixo vai enfeitar as casas das nossas idosas”.

Cleonice ainda enfatizou que durante a execução das atividades o fortalecimento de vínculos é imenso. “É o momento em que conversamos, desabafamos, rimos muito e desenvolvemos uma convivência extraordinariamente feliz. As experiências trocadas resultam em grandes amizades que perpetuam. Cada vez mais o idoso tem buscado formas de ocupar seu tempo com atividades que lhe proporcionem prazer e bem estar, e, aqui, no Certi, procuramos atender a cada um deles de modo especial, em sua necessidade, acolhendo-os carinhosamente”, afirmou.

Fonte:

Deixe seu comentário