Portal da Cidade Toledo

Senai

Como reduzir custos em tempos de COVID-19?

Mentoria do “Brasil Mais”, que será aplicada pelo Senai, foi elaborada pelo governo federal e pela Associação Brasileira de Desenvolvimento Industrial

Postado em 06/05/2020 às 10:39 |

Para manter a competitividade, as indústrias precisam criar estratégias que melhorem a produtividade e reduzam custos. No atual momento de crise, as tomadas de decisão devem ser ainda mais ágeis e assertivas. Para auxiliar o setor industrial paranaense, o Senai oferece um novo programa de mentoria direcionado a empresas que queiram aprender técnicas para reduzir o desperdício e garantir melhores resultados em sua produção. As soluções são rápidas, de baixo custo e alto impacto.

A iniciativa faz parte do programa Brasil Mais, desenvolvido pelo governo federal em conjunto com a Associação Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), e que conta com a parceria do Senai e do Sebrae. “Todas as empresas possuem grandes oportunidades de implementar melhorias e o Senai acredita que a redução de custos e aumento de produtividade fazem parte do conjunto de respostas que as Indústrias precisam neste momento”, avalia Felipe Couto, gerente de Inovação e Produtividade do Sistema Fiep.

O programa de mentoria tem duração de dois meses e é voltado a indústrias de diversos segmentos, podendo ser contratado por empresas que tenham de 11 a 499 funcionários. O Brasil Mais envolve atividades de capacitação que envolve 03 colaboradores da Indústria e Consultoria num total de 64 horas. Existem também módulos de treinamento em são reunidas outras empresas de forma a permitir a troca de experiências entre os participantes e assim consolidar o aprendizado ao se discutir realidades de diferentes setores.

De acordo com o gerente, o Brasil Mais é orientado a resultados práticos e de curto prazo, sem a necessidade de investimentos. “O foco do Programa é a fábrica. Outro aspecto é o papel protagonista da equipe de colaboradores da empresa, que serão devidamente orientados pelos profissionais do Senai. O Programa é, portanto, um grande movimento pró-produtividade do Sistema Fiep, voltado às indústrias de diferentes setores, de pequeno a grande porte” explica Felipe.

Em todo o Brasil, a estimativa é que 46,8 mil indústrias sejam impactadas pelo programa - no Paraná, a meta é atender até 3 mil empresas. “É claro que esse processo de busca por melhorias deve ser contínuo, mas é ainda mais relevante nesse momento que estamos vivendo. Mais do que nunca, as indústrias precisam de um ganho de produtividade, que será revertido em redução de custos. Quanto mais produtiva for a indústria, melhor será sua condição de concorrer no mercado, principalmente após a pandemia”, completa o gerente.

O investimento é acessível a empresas de todos os portes e a maior parte do programa é subsidiada. As inscrições já estão abertas e podem ser realizadas pelo site do programa Brasil Mais no Paraná. O primeiro grupo de mentoria dará início às atividades no dia 1º de junho.

Para apresentar o Programa e o funcionamento da mentoria, especialistas do Senai no Paraná participarão de uma transmissão ao vivo no Canal da Indústria, no YouTube. O evento online é aberto ao público e será transmitido no dia 7 de maio, às 17h00.

Fonte:

Deixe seu comentário