Portal da Cidade Toledo

capacitação

Servidores municipais concluem capacitação sobre Educação Especial

O curso é voltado para educadores e visa melhorar o atendimento a alunos com necessidades especiais

Postado em 04/06/2019 às 10:56 |

Cerca de 40 servidores das Secretarias da Cultura, Esporte e Lazer, e Juventude receberam na última sexta-feira (31) no auditório da Prefeitura, os certificados do curso “Oficinas Pedagógicas Inclusivas em Educação Especial”. A capacitação foi em parceria entre a Prefeitura e a Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), e foi focada no atendimento pedagógico de autistas, deficientes visuais ou auditivos. As aulas foram ministradas nas dependências da Unioeste e tiveram carga horária total de 16 horas.

O curso abordou também as leis que garantem os direitos das pessoas com necessidades especiais. E além de ser um aperfeiçoamento para que os servidores tenham condições de atender esse público de forma igualitária, a capacitação também é um instrumento de avanço na carreira.

A Coordenadora do projeto de extensão em Educação Especial da Unioeste, Dra. Francy Rodrigues da Guia Nyamien relata que a Unioeste tem contribuído com o desenvolvimento da região oeste através dos projetos de extensão, ligados à formação de professores tanto da rede municipal quanto estadual. “A extensão é o momento de não ficarmos com o conhecimento somente dentro da universidade, mas de podermos contribuir com a formação da sociedade. O projeto acabou se estendendo a vários segmentos e tivemos o privilégio de trabalhar com os servidores municipais”. 

A professora de violino da Casa da Cultura, Viviane Ribeiro dos Santos participou do treinamento e diz que foi muito válido sobretudo o módulo sobre deficiência visual. Ela tem um aluno com essa condição e vai poder atendê-lo de forma mais eficaz, tendo em vista as necessidades específicas. “Toco violino há mais de 27 anos e nunca tinha trabalhado com esse público. O deficiente visual precisa tocar e ser tocado para ter postura e sentir o movimento do toque do violino. Agora que estamos mais preparados para atendê-los acredito que possa aumentar o fluxo desses alunos na Casa da Cultura”.

A Prefeitura tem investido em capacitações focadas em pessoas com necessidades especiais para os servidores municipais. Atualmente 70 funcionários de Unidades Básicas de Saúde (UBS), Farmácia Escola e Mini-Hospital participam de um treinamento sobre a Língua Brasileira de Sinais (Libras). O curso é uma parceria entre a Prefeitura e o Centro Universitário FAG, e visa proporcionar melhor atendimento a deficientes auditivos na saúde pública de Toledo.

Fonte:

Deixe seu comentário