Portal da Cidade Toledo

GOIOERÊ

Falso perfil pede fotos íntimas com a proposta de vaga para modelo

Pelo menos oito jovens foram assediadas pela mulher, sendo que duas delas – de 14 e 17 anos – enviaram fotos, inclusive íntimas

Postado em 15/05/2018 às 10:52 | Atualizado hoje às 04:34

(Foto: Divulgação)

Uma mulher com perfil no Facebook entrou em contato com várias jovens de Goioerê, a maioria menor de 18 anos, oferecendo proposta de trabalho como modelo para revistas de nível nacional e também em participação na novela Malhação, da Rede Globo.

A mulher dizia que era de uma agência de modelos e que estaria abrindo uma filial em Goioerê. As jovens era atraídas com a proposta de salário de R$ 4.800,00 e um telefone modelo Iphone 7.

Pelo menos oito jovens alegaram terem sido assediadas pela mulher, sendo que duas delas – de 14 e 17 anos – enviaram fotos, inclusive íntimas. Os assédios eram feitos por uma rede social.

Conforme relato de uma das jovens, primeiro a mulher solicitou fotos de corpo inteiro, com roupa. Depois pediu uma foto de calcinha e sutiã. Em seguida pediu uma foto sem sutiã, depois sem calcinha. Por fim, ela pediu uma foto da garota completamente nua, em pose sensual. Após as fotos, a mulher bloqueou todos os contatos com a adolescente.

Outra jovem disse que a mulher pediu uma foto dela com roupas íntimas. Como ela se negou, a mulher ameaçou de “tirar a jovem da relação de contratadas”.

PODE SER HOMEM

Algumas pessoas que foram assediadas acreditam que o perfil falso, em nome da mulher, possa ser na verdade um homem, que usa o artifício para conseguir fotos sensuais de adolescentes. Em nenhum dos casos a tal mulher conversou por telefone ou mandou mensagem de áudio para as presumíveis vítimas.

Também há a especulação de que o perfil falso possa ser de uma pessoa de Goioerê, uma vez que o telefone usado para conversas em aplicativo de celular tinha o DDD 44 e também pelo fator de que foi marcado o encontro com uma das vítimas no Shopping Piacentini, dando a entender que conhece a cidade.

De acordo com a Polícia Civil de Goioerê, apesar de várias pessoas comentarem terem caído no golpe na cidade, não há nenhum registro de boletim de ocorrência feito pelas vítimas.

Fonte: GoioNews

Deixe seu comentário