Portal da Cidade Toledo

sarampo

Iniciou hoje a campanha nacional de vacinação contra o sarampo

Em Toledo as doses da vacina já estão disponíveis em todas as unidades básicas de saúde do município

Postado em 10/02/2020 às 15:12 |

A Campanha Nacional de vacinação contra o Sarampo começou nesta segunda-feira (10), e segue até o dia 13 de março em todo o Brasil. Em Toledo as doses da vacina já estão disponíveis em todas as unidades básicas de saúde do município. As doses da vacina serão aplicadas durante o horário normal de funcionamento das UBSs.

A enfermeira da Vigilância Epidemiológica, Rosana Cerbarro, reforça a importância da imunização. “É muito importante que todos recebam as doses da vacina, visto que o Sarampo voltou a se alastrar em todo o país e trata-se de uma doença perigosa e que pode levar a pessoa a óbito. Por isso a gente pede que todos compareçam ao posto de saúde mais próximo e efetue a vacina, pois essa é a forma mais eficaz de evitar uma epidemia”, esclareceu.

O Dia D de vacinação contra o Sarampo será no próximo sábado (15), de fevereiro, quando todas as UBSs da cidade e algumas do interior estarão atendendo das 08h às 17h. As unidades de Dez de Maio; Dois Irmãos; Novo Sobradinho; Vila Nova; São Luiz; Vila Ipiranga e Boa Vista ficarão abertas das 08h às 12h.

Rosana lembra que o Dia D é mais uma oportunidade para que todos sejam imunizados. “A maioria das pessoas trabalha em horário comercial e não consegue ir até uma UBS durante a semana. Levando isso em consideração o Ministério da Saúde criou o Dia D, que é mais uma oportunidade para que toda a população seja imunizada, diminuindo assim os riscos de doenças como o Sarampo se alastrarem”, informou.


Público alvo

A Campanha Nacional de vacinação contra o Sarampo será dividida em duas etapas. Nesta primeira etapa serão imunizadas pessoas de 05 a 19 anos e de 30 a 59 anos. No mês de agosto a Campanha será destinada para as pessoas de 20 a 29 anos. No entanto o Estado do Paraná disponibilizará as vacinas para pessoas de 05 a 59 anos.

Isso porque o grupo de 20 a 29 anos é o grupo considerado de risco, tendo sido acometido por 424 dos 808 casos registrados no Estado do Paraná desde agosto de 2019. Para os grupos de 5 a 19 anos e de 30 a 59 anos a vacina será seletiva, sendo observado pelos agentes de saúde o histórico de vacinação, com a intenção de saber se a pessoa realmente necessita receber a vacina.

Para o grupo de 20 a 29 anos a vacinação ocorrerá de maneira indiscriminada, ou seja todas as pessoas dessa faixa etária deverão comparecer a uma Unidade Básica de Saúde para receber uma dose da imunização, independentemente se foi ou não vacinada na última campanha.

Rosana explica que a intenção é vacinar pelo menos 95% das pessoas que compreendem o grupo prioritário de 20 a 29 anos. “Nós temos como meta vacinar mais de 95% das pessoas de 20 a 29 anos, que fazem parte do nosso grupo prioritário. Isso porque essa faixa etária foi a mais acometida pelo Sarampo nos últimos anos em nosso Estado e continua sendo o grupo de maior risco. É fundamental que todos desse grupo etário sejam vacinados nesta campanha para que o vírus seja eliminado, caso contrário poderemos ter uma epidemia que poderá se prolongar por pelo menos cinco anos”, pontuou, Rosana Cerbarro.

Quem for até uma das Unidades Básicas de Saúde do município deve portar a sua carteira de vacinação. Com a carteira em mãos a pessoa também poderá atualizar o seu histórico de vacinação e receber as vacinas que estejam pendentes.

As doses da vacina contra o Sarampo ficarão disponíveis em todas as UBSs do município até o fim da Campanha Nacional de Vacinação, que segue até o dia 13 de março.

Fonte:

Deixe seu comentário