Portal da Cidade Toledo

FRONTEIRA

Empresários apresentam para ministros plano de abertura da Ponte da Amizade

Reunião foi realizada nesta terça-feira (05) em Cidade do Leste; empresários pedem abertura da fronteira.

Postado em 06/05/2020 às 12:18 |

O Ministro da Saúde do Paraguai, Julio Mazzoleni, disse que o fechamento da fronteira com o Brasil é uma situação muito difícil, no entanto, a taxa de disseminação do coronavírus no país representa um risco muito grande para o Paraguai em caso de eventual abertura da Ponte da Amizade.

O ministro se reuniu com autoridades e representantes do setor empresarial de Cidade do Leste nesta terça-feira (05), que apresentaram propostas para a abertura da fronteira e que permitiria a retomada das atividades comerciais na cidade, já que o comércio depende 80% dos brasileiros.

Mazzoleni indicou que as propostas serão analisadas, mas a situação se torna difícil, uma vez que "a situação do outro lado da ponte não é a mesma deste lado", referindo-se ao número de casos de coronavírus no Brasil.

Por outro lado, o ministro também recebeu um pedido dos shopping centers para uma autorização futura para iniciar atividades seguindo o protocolo sanitário, uma vez que shoppings e outros centros estão habilitados para operar na Fase 3, em 15 de junho, conforme cronograma do governo.

Essas propostas também serão analisadas, embora o ministro tenha enfatizado a necessidade de respeitar as medidas e a parcela de responsabilidade de cada cidadão, para que o projeto de "quarentena inteligente" e sua reabertura gradual das atividades comerciais funcionem.

Participaram da reunião o Ministro de Interior, Euclides Acevedo, da Indústria e Comércio, Liz Cramer, juntamente com o Governador de Alto Paraná, Roberto Gonzalez, o prefeito de Cidade do Leste, Miguel Pietro, além de representantes do setor empresarial e da sociedade civil.

Fonte:

Deixe seu comentário