Portal da Cidade Toledo

Toledo
66 anos

História de Toledo - PR

Segundo registros precisos, foi em 27 de março de 1946 que as primeiras famílias de colonizadores chegaram em Toledo e instalaram acampamentos. A cidade surgiu quando a Industrial Madeireira e Colonizadora Rio Paraná S/A - MARIPÁ adquiriu junto a uma companhia imobiliária inglesa a gleba de terras Fazenda Britânia, iniciando em seguida a ocupação e desbravamento da área.

A atividade inicial foi a extração de madeira para atender os mercados da Argentina e Uruguai. O plano de colonização fundamentou-se em pequenas propriedades, com média de 10 alqueires.

Registros de 1905 e 1906 atribuem a escolha do nome da cidade a "Pouso Toledo", recanto de descanso de tropeiros ao longo de uma picada utilizada para transporte de produtos, especialmente da erva-mate, comercializados por estrangeiros que possuíam glebas na região oeste do Estado do Paraná, onde o Município está inserido.

Desenvolvimento

O desenvolvimento da cidade ocorreu de forma acelerada, inicialmente em torno da economia das comunidades agrícolas.Na década de 1960 para 1970 a modernização da produção imprimiu novas relações no campo e a especialização favoreceu a monocultura e a concentração de propriedade, ocasionando o êxodo rural e a acelerada urbanização.

A suinocultura, que era atividade complementar para os pioneiros, desenvolveu-se rapidamente na década de 50, culminando com a fundação do Frigorifico Pioneiro S/A, que teve seu controle acionário adquirido pela empresa Sadia no ano de 1964, que veio a implementar o sistema de integração nas áreas de aves e suínos, além de um complexo fabril que a tornou a maior indústria instalada no município.

Inicialmente atuava por meio da Frigobrás, mas após a incorporação desta à Sadia S.A., o setor de compras foi transferido para outra localidade. Mais recentemente a fusão entre a Sadia e a Perdigão , atual BRF, motivou a transferência da área administrativa para Curitiba, mas o complexo fabril permanece inalterado, com cerca de 7 mil trabalhadores, cuja produção atende o mercado interno e externo.

Nos anos 90 a Sadia passou a investir na ampliação da área suinícola e Toledo expandiu seu rebanho de 100 mil para mais de 400 mil cabeças.